Carências Humanas

Artigo_Carências Humanas_Alessandra Ritondaro

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Autor:

Alessandra Ritondaro

Nossas carências nos acompanham há inúmeras vidas e são as mais variadas, pois carregamos conosco tudo o que construímos nos processos reencarnatórios. Os processos emocionais são transportados de uma vida para outra no corpo psicossomático. Por isso, continuamos a acumular carências até conseguir o pleno entendimento de como resolvê-las.

Como se constituem as nossas carências? Pela falta das energias que complementam e equilibram os nossos chacras. Se você tem carências sexuais muito grandes, é porque está precisando de energias do padrão do chacra básico. Quando temos, por exemplo, compulsão alimentar, estamos com carência das energias do chacra esplênico. Ao subir para o nível do chacra cardíaco, começamos a ter menos carências, pois este chacra processa energias de padrão mais elevado. Nossos chacras frontal e coronário possuem a carência do saber, do conhecimento.

As carências dos chacras mais baixos afetam os nossos relacionamentos. Quando temos muitos processos emocionais, buscamos o(a) companheiro(a) ideal, alguém que possa suprir todas as nossas carências energéticas, principalmente as do chacra básico. Assim, acabamos por viver um relacionamento imaturo, pois estamos apenas buscando alguém que possa temporariamente suprir algumas carências. Isso não é amor.

Quando conseguimos nos aceitar completamente e também somos capazes de aceitar o outro integralmente, aceitamos a vida e abrimos todos os chacras. Com isso, temos a capacidade de circular nossas energias, conquistamos melhor condição física e espiritual e conseguimos suprir as nossas carências.

O assédio espiritual nos rouba energia constantemente, o que nos proporciona muitas carências energéticas. Por isso, precisamos conhecer os processos energéticos, aprender a trabalhar com as próprias energias e manter um comportamento assertivo. Devemos cuidar de nossa saúde emocional e energética para evitar carências desnecessárias, pois é o padrão energético que determina o nosso processo de evolução espiritual.

Outros conteúdos