Assediadores Espirituais

Artigo Assedios Espirituais_Fatima Alves

Compartilhar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Autor:

Fátima Alves

Assediadores espirituais, como algumas pessoas pensam, não são monstros abomináveis. Assédio é toda consciência encarnada ou desencarnada que exerce influência negativa sobre o outro (consciente ou inconscientemente).

Consequências na vida física e espiritual

Vida Física: Cansaço, falta de vitalidade, de ânimo, irritação, falta de atenção, as coisas caem da mão, a pessoa vive tropeçando, batendo a perna, o braço, a cabeça. Pode cair em casa, na rua. Sente dores (cabeça, perna, juntas, braços, costas, joelhos etc). Gera doenças, muitas vezes inexplicáveis pela medicina.

Nada dá certo. Vai pagar uma conta, dá problema no caixa, o carro vive com problemas, pode perder o emprego, pode não conseguir arrumar novo emprego, não consegue se dar bem nos relacionamentos mais próximos, briga o tempo todo com pessoas da família, vizinhos; pode sofrer de insônia, faz expansões negativas, tem pensamentos destrutivos, de acidentes, de morte, de assalto. Fica pessimista, triste, sente medo de tudo, sente muita solidão. Entra em depressão e, dependendo do caso, pode até se matar.

Esses são apenas exemplos, não significa que quem está com algum desses problemas é um assediado.

Vida Espiritual: À noite se encontra com consciências umbralinas e tem pesadelos horríveis.

Não consegue contato com amparadores espirituais. Se eles se esforçam para dar uma orientação, a pessoa não recebe essa intuição por causa do nível energético muito defasado. Pode apanhar de consciências e quando acorda de manhã pode ter dores físicas e até marcas no corpo. Esse padrão energético impede a pessoa de aprender, de se esclarecer, mudar seu comportamento e evoluir.

Carências e assédio

Carência é uma ótima porta de entrada para assédios. Eles sabem que vai ser muito fácil dominar a vontade de uma pessoa carente.

As carências podem ser elaboradas. É possível dominar as energias dos chacras mais baixos. Tem que exercitar os chacras superiores, realizando atividades que elevem nossas energias. Leitura é um ótimo estímulo para os chacras frontal e coronário, fazer caminhadas, realizar conversas saudáveis e produtivas, limpar a casa, estudar, fazer meditação. Dá para fazer coisas que não dependem de dinheiro para realizar, é só querer.

O que fazer para se proteger

A melhor defesa é o nosso pensamento e sentimento, aliados à nossa ação. Temos que colocar a mão na massa. Não tem mágica. Assédio adora gente preguiçosa, paradona. O que fazer para acabar com a preguiça? Ação. Se sente preguiça de lavar roupa, então, exercite o domínio de sua vontade e vá lavar roupa. Se sente preguiça de ler, então vá ler. Se sente preguiça de acordar cedo, então acorde cedo. É a gente que tem que dominar a nossa vontade.

Não tem outro jeito. Colocar a mão na massa é fazer. Comece aos poucos para ir adquirindo domínio de sua vontade e de suas energias. Experimente levantar da cama no exato momento que o relógio despertar, nem um minuto a mais. É um ótimo exercício para o domínio da nossa vontade. Circulação de energias e exteriorização de energias no ambiente também é uma forma de manter os assédios afastados, mas a melhor defesa é a mudança de comportamento.

Essa é a proteção mais garantida, porque aí nós estaremos em outro padrão energético que os assédios não sintonizam.

Outros conteúdos